Blog

Compartilhe:

Destaques

Qual a diferença entre imobiliária, construtora e incorporadora?

Se você está à procura de um imóvel, deve já ter percebido que o mercado apresenta diversos termos próprios e que muitas vezes podem complicar o entendimento do público. Uma das grandes dúvidas muitas vezes pode ser em relação as diferenças entre uma imobiliária, uma construtora e uma incorporadora.

Embora muitos acreditem que essas três palavras são sinônimas, a verdade é que não é. Cada tipo de empresa representa um serviço próprio com participações bem específicas durante a jornada de compra dentro do mercado imobiliário. Isso diz respeito a construção de um imóvel, por exemplo, com funções próprias de cada uma.

Afinal, qual é a real diferença entre eles?

Vamos começar pelo começo. A incorporadora é quem faz parte da primeira parte do processo tanto de construção quando venda de um apartamento. É válido dizer que ela cuida de uma etapa de planejamento e estruturação, que envolve identificar oportunidades que se apresentam com estudos de viabilidade, procura do terreno onde o empreendimento será construído e criação do projeto arquitetônico em si.

Porém, não para por aí. Quando a obra está finalizada, a incorporadora quem cuida de processos burocráticos de registro, licenças e alvarás para que a comercialização seja feita sem maiores problemas.

É válido ressaltar que quem contrata a construtora que dará vida ao empreendimento é a incorporadora. E aí passamos para o nosso outro tópico. A construtora realiza todo o projeto de engenharia e tem a função de entregar o apartamento no prazo definido passando pela contratação de mão de obra, compra de materiais necessários e também por colocar a “mão na massa” para que tudo corra como o esperado durante a construção do empreendimento.

E para que tudo aquilo que a incorporadora e a construtora fazem, existe a imobiliária como ponta final deste processo. Ela tem a função de cuidar da compra, venda e aluguel de um imóvel. Ela é a ponta entre quem vende e quem compra como intermediadora de um possível negócio entre essas partes. Para isso, o corretor de imóveis é essencial.

Com todas essas informações, é possível compreender que o mercado imobiliário conta com pessoas e empresas que diariamente se esforçam para garantir que você tenha uma experiência agradável e assertiva no momento de comprar o seu próximo lar.

E se você quer saber mais sobre esse mercado e encontrar oportunidades exclusivas, continue acompanhando a Reluma nas redes sociais no Facebook e Instagram.